Edit Content

São Paulo vai receber maior festival colaborativo de criatividade do mundo

O festival em São Paulo dá início às inúmeras atividades do Dia Mundial da Criatividade, que ocorre em outras 100 cidades brasileiras e em outros 12 países ao redor do mundo.

Nesta terça-feira (7), na sede da Prefeitura de São Paulo (Edifício Matarazzo), foi lançado oficialmente o Festival Mundial da Criatividade. O evento, que neste ano tem a capital paulista como palco principal, acontece nos dias 20, 21 e 22 de abril e conta com inúmeras experiências, painéis, palestras, workshops e performances para profissionais, empreendedores e empresas de todos os setores que compõem a economia criativa.

O festival em São Paulo dá início às inúmeras atividades do Dia Mundial da Criatividade, que ocorre em outras 100 cidades brasileiras e em outros 12 países ao redor do mundo. Idealizado no Brasil por Lucas Foster, a data tornou-se parte do calendário oficial da ONU em abril de 2017. O evento é organizado pela World Creativity Organization e tem como principal objetivo unir o ecossistema de criatividade e inovação de diversas cidades, focando o desenvolvimento sustentável com base em pilares como aprendizagem, diversidade, empreendedorismo e transformação.

“Atingidas diretamente por uma crise de confiança sobre seu futuro, as cidades continuarão exercendo um papel fundamental em nossa civilização. Por isso, a criatividade e a inovação são essenciais para a construção de cidades vibrantes capazes de atrair pessoas, negócios e promover impacto social positivo. O festival celebra a importância da criatividade para a construção de um futuro sustentável para todos e São Paulo foi escolhida como Capital Mundial da Criatividade pela Organização Mundial da Criatividade para mostrarmos, na prática, como a criatividade e a economia criativa transformam os lugares e a vida das pessoas”, afirma Lucas Foster.

“A Prefeitura de São Paulo tem buscado apoiar cada vez mais os setores que estão em constante crescimento e que compõem as profissões do futuro, como o de economia criativa. Contamos com diversas ações que impulsionam o setor nas mais diversas áreas como gastronomia, games, audiovisual, entre outros, todas elas pensando na geração de emprego e renda, na aceleração de negócios e no desenvolvimento econômico da Capital”, declara Aline Cardoso, secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da Prefeitura de São.

O Dia Mundial da Criatividade é apresentado pelo Ministério da Cultura e Mercado Livre, parceria de mídia da Globo, apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da Cidade de São Paulo, além da parceria institucional da Co.liga, Fundação Roberto Marinho, Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI), da Preta Hub e do Razões para Acreditar, além de outros importantes agentes e entidades.

No ano passado, o Festival Mundial de Criatividade atraiu mais de cinco mil pessoas nos três dias de atividades, em Salvador. Neste ano, o evento conta com mais de 100 atividades espalhadas por 20 espaços na região do Centro Histórico de São Paulo e espera receber cerca de dez mil pessoas:

Alguns dos espaços que poderão ser envolvidos na programação:

Edifício Martinelli

Pateo do Collegio

Praça Antônio Prado

B3 Brasil, Bolsa, Balcão Casa da Moeda

Ed. Matarazzo

Teatro Municipal

Fachada de prédios históricos

Viaduto do Chá

Praça das Artes

Vale do Anhangabaú

Galeria do Rock

Shopping Light

Os ingressos são gratuitos e as inscrições podem ser feitas por meio do site oficial do evento.

World Creativity Day

www.worldcreativityday.com

www.instagram.com/worldcreativityday

www.youtube.com/c/WorldCreativityChannel

follow:

Posts Relacionados