Edit Content

FESTA BLACK: de uma reunião de amigos para uma edição com 8 mil pessoas; conheça a trajetória e planos do selo LGBTQ+

Fundada em 2018 com o objetivo de ser uma encontro entre amigos no Rio de Janeiro, a FESTA BLACK tem ganhado destaque na cena de eventos LGBT+ do Brasil.

O evento que nasceu com a proposta de promover uma festa da forma que os organizadores gostariam de frequentar, se expandiu e hoje tem na bagagem edições históricas com mais de 8 mil pessoas durante a Pride de São Paulo.

Criamos algo que gostaríamos de frequentar (perfeito para a gente), serviços, ambiente, visual e principalmente sonoridade. A partir daí, identificamos um gap no mercado, os amigos compraram e amaram a ideia, surgiu então o insight que tinham mais pessoas com a mesma percepção que a nossa e isso poderia ser uma oportunidade para suprir essa carência do mercado. Esse insight lá do início se tornou hoje o nosso maior diferencial“, afirma Fernando Oliveol, CEO e Founder do selo.

Nos últimos dois anos, a festa já promoveu edições entre o eixo Rio-São Paulo que ficaram na memória do público e principalmente por quem foi responsável pelos evento. “A edição mais marcante, foi sem dúvidas, a nossa última edição: A Black Pride 2023, que ocorreu durante a Parada LGBTI+ de São Paulo. E, é a edição mais marcante, porque foi a nossa maior edição de todas, até hoje, para aproximadamente 8 mil pessoas. E com aprovação e feedbacks super positivos, além de uma repercussão mundial“, comenta Fernando.

No próximo sábado, a FESTA BLACK promoverá mais uma edição com diversas novidades e, segundo Fernando, com muita inovação. “A nossa expectativa é manter o sucesso da última edição e sempre atender a expectativa do nosso público, além de surpreender e inovar sempre. Acompanhem todas as surpresas que estamos preparando“. No lineup: JUNYO, NAT VALVERDE, KAROL FIGUEIREDO, BRUNO MOUTINHO, JOTA NETTO, YAN + PAULI e JOHN WILBER. Os ingressos estão disponíveis aqui.

Fernando Olivenol: CEO e FOUNDER e Lucas Salomão: ARCHITECT e CO-FOUNDER.

Os planos para as próximas datas do ano é seguir com esta crescente, expandir a marca, trazer sempre inovação, estudar e analisar o mercado, entender o que está acontecendo na cena eletrônica de modo geral e com isso adaptar para a nossa cena. Sempre com feeling de público e o conceito lá do início do projeto, pensando em desenvolver uma festa que gostaríamos de frequentar“, destaca Olivenol. Ele ainda relembra que em novembro, a festa desembarca em Cumbuco, para a sua estreia no festival H&H. Segundo ele, a expectativa pré-evento vem de encontro com o plano expansão da marca e, com a HH com um dos maiores da cena e com visibilidade mundial, vai totalmente em “fit” com nosso momento de crescimento.

Fotos: @HISNAMEISTOBI

follow:

Posts Relacionados